Deserto do Atacama: roteiro, atrações e dicas para organizar a sua viagem

Por Natália Góes


Acabei de chegar de uma viagem super legal pelo Chile onde realizei um sonho: conhecer o Deserto do Atacama.

O Deserto do Atacama está localizado na região norte do Chile, sendo considerado o deserto mais alto e mais árido do mundo, pois chove muito pouco na região (mas não vá esperando que não chove nunca - mesmo no deserto chove às vezes).

As temperaturas no deserto variam entre 0 °C à noite a 40 °C durante o dia. Em função destas condições existem poucas cidades e vilas no deserto; uma delas, muito conhecida, é San Pedro de Atacama, que tem pouco mais de 3000 habitantes e está a 2400 metros de altitude. Esta foi a minha cidade base por lá para explorar as belezas do deserto.

Visual do Valle de la Luna - Anfiteatro, Vulcão Licancabur e Vulcão Juriques <3



Quando ir


Visitar o Deserto do Atacama é um programa para qualquer época do ano já que o clima é predominantemente agradável e seco. Entretanto, durante o inverno altiplânico (entre os meses de janeiro e abril, sendo mais frequente em fevereiro) podem ocorrer chuvas e neve nas montanhas mais altas. Isso pode atrapalhar a realização de algumas excursões, já que o caminho até elas pode se tornar inacessíveis.

Eu fui em fevereiro/2017 e não peguei chuva; mas acompanhei outros 2 dois blogs que visitaram a região na mesma época (semanas antes e semanas depois) e pegaram chuva e até mesmo neve!

Como já é de se esperar no deserto, as temperaturas variam muito ao longo do dia, aumentando depois do amanhecer e diminuindo com o entardecer. Por isso é recomendável sempre levar agasalhos, especialmente se você viajar no inverno (de junho a setembro), quando as temperaturas a noite costumam ser muito baixas.



Roteiro em San Pedro de Atacama


Dia 1: Chegada em San Pedro e organização dos passeios; se você chegar cedo, também pode visitar o centro histórico

Calle Caracoles, a principal do centrinho de San Pedro de Atacama
Igreja ao lado da Plaza Principal
Feira de artesanato em frente a Plaza Principal


Dia 2Passeio para Lagunas Escondidas

Banho salgado nas Lagunas Escondidas

Cordilheira de Domeyko vista a partir das lagoas


Dia 3Passeio para Salar de Talar, Piedras Rojas e Lagunas Altiplânicas

Salar de Talar

Laguna Tuyajto

Piedras Rojas

Vicuñas no caminho

Lagunas Altiplânicas


Dia 4Passeio para Geiseres del Tatio e para o Vale da Lua e Vale da Morte

Campo de Geiser El Tatio

Povoado de Machuca, no caminho de volta dos geiseres


Dia 5: Passeio para o Salar de Tara e Tour Astronômico

Salar de Tara

Salar de Tara


Dia 6: Retorno de San Pedro de Atacama para Santiago

Os detalhes de cada passeio eu vou descrever em posts adicionais aqui no blog. Os links estarão listados no final deste post principal.

Como chegar


Voei de SKY desde Santiago para Calama, onde fica o aeroporto mais próximo da cidade de San Pedro de Atacama. A Latam também oferece este trecho. De Calama fui de transfer até meu hotel em San Pedro de Atacama (cerca de 1h10m de trajeto).

Fiz a reserva do meu transfer com a empresa Transfer Pampa, indicação da FlaviaBia Expediciones (empresa que eu havia reservado meus passeios desde o Brasil). O serviço prestado foi excelente e eles foram bastante pontuais.

Contato: transferpampa@gmail.com

Valor: $12.000 pesos chilenos o trecho ou $20.000 pesos chilenos ida e volta (fev/17)

Diversas outras empresas tem guichê no aeroporto de Calama e oferecem o serviço de transfer para San Pedro de Atacama: Licancabur, Transfer Andino, Transvip.

Funcionário da Transfer Pampa já me aguardando com uma plaquinha

Vans das diversas empresas que oferecem transfer para San Pedro de Atacama à direita na saida do aeroporto

Além das agências de transfer, existe a opção de pegar um ônibus que sai do aeroporto de Calama até o terminal de ônibus em San Pedro de Atacama. Este ônibus estava sendo oferecido por $8.000 pesos chilenos (fev/17). Em San Pedro de Atacama fui informada também que as empresas Tur Bus, Atacama 2000 e Frontera oferecem este trecho.

Existe também a opção de ir de ônibus desde Santiago através da empresa Tur Bus, mas prepare-se para uma viagem longa.



Voo Santiago x Calama


O voo para Calama é um capítulo à parte. Me lembro quando voei sobre os Andes a primeira vez - fiquei super emocionada! Mas voar sentido norte acompanhando a direção da cordilheira, vendo suas partes altas cheias de neve e assistindo ao nascer do sol foi simplesmente uma das coisas mais lindas que já vi na vida! Uma pena que as janelas sujas do avião não permitiram fotos/vídeos decentes deste momento mágico. Ficou na memória!

Se quiser curtir esta vista, escolha um voo cedo (o meu era da Sky e saiu as 6:30h) e peça assentos do lado direito do avião.

Observação importante sobre o avião da SKY: o espaço entre os bancos é minúsculo! Na ida estava na saída da de emergência e não me incomodou, mas na volta peguei assentos "normais" e definitivamente eles são impróprios para pessoas com mais de 1,70m! 


Hospedagem


Depois de muito pesquisar escolhi o Hotel La Casa de Don Tomas, próximo a Calle Caracoles (10 minutos caminhando), a principal de lá. A hospedagem é um dos itens mais caros em San Pedro de Atacama. Eu queria sossego, algum conforto e proximidade do centro. Consegui tudo isso neste hotel e gostei muito!!

O hotel oferece como cortesia uma garrafa de água de 500 ml todos os dias. Para estadias prolongadas eles oferecem como cortesia o serviço de lavanderia também. Fica disponível na recepção do hotel café solúvel, água quente, água mineral e chás para consumo sem custos a qualquer hora. Pequenos mimos que fazem a diferença.

O cafe-da-manhã é farto (inclui opções veganas) e servido de 6:30 as 10h. Para os dias em que deixei o hotel muito cedo havia a opção de solicitar na véspera um box de café-da-manhã que vinha com sanduíche, iogurte, fruta, barra de cereal e suco.

O hotel também tem piscina (aberta de 9 as 19h), cofre, estacionamento e restaurante aberto para o jantar (pago a parte).


Reserve seu hotel em San Pedro de Atacama sem custos adicionais usando este link.

Entrada para a recepção do hotel

Vista do Vulcão Licancabur a partir do estacionamento do hotel

Área da piscina

Restaurante e local onde é servido o café-da-manhã

Recepção 24 horas

Café, água e chá são cortesia e estão disponiveis durante todo o dia

Lounge próximo a recepção
Área dos quartos
O quarto de casal: bem espaçoso

Como programar os passeios


A maior parte dos meus passeios eu fiz com a equipe FlaviaBia Expedições e fiquei muito satisfeita. Aquela história de passar perrengue no deserto é coisa do passado! Todos os passeios que fiz com eles foram super organizados, com os itens de segurança necessário e muita pontualidade. A comida servida nos passeios também era de primeira, e todos os guias muito experientes. Eu super recomendo!

Entrei em contato com a Flávia ainda no Brasil e escolhi os passeios que gostaria de fazer de acordo ao tempo que teria no Atacama. Paguei 15% do valor como sinal (em reais num deposito no Banco do Brasil) e o restante em pesos chilenos diretamente na agência FlaviaBia Expediciones no dia que cheguei em San Pedro de Atacama.

Para demonstrar o quanto gostei do serviço prestado, conversei com a Flávia, proprietária da empresa, e combinei que os leitores do blog, nossos seguidores no Instagram e Facebook terão desconto ao fechar seus passeios com ela. Não é demais? Para obter o desconto é só dizer que viram as referências da empresa FlaviaBia Expediciones aqui no Profissão Turista :)


  • Contato FlaviaBia Expediciones: contato@flaviabiaexpediciones.com

Café da manhã com vista para os vulcões com FlaviaBia Expeciones

Almoço com vista para o Salar de Tara

Café da manhã em Piedras Rojas

Detalhes do almoço oferecido durante os passeios com FlaviaBia Expediciones

No caso do tour astronômico, fiz contato diretamente com a agencia SPACE ainda do Brasil. Este tour é super concorrido, então não deixe para a ultima hora pois pode não haver vagas disponíveis. Outra observação importante é que o tour não acontece nos dias de lua cheia porque a claridade é tanta que não é possível observar as estrelas. Acredite: o céu do Atacama é incrível! Leve sua câmera fotográfica que, a depender da fase da lua, é possível tirar fotos lindas através do telescópio. Infelizmente não me avisaram para levar a minha (o atendimento no escritorio deles é terrivel, não dão nenhuma informação), mas consegui algumas fotos com meu celular mesmo.

  • Contato SPACE: info@spaceobs.com

Foto da lua tirada durante o tour astronômico

Mais uma <3




Onde comer

Fui com várias recomendações de restaurantes e lanchonetes, mas comi tão bem durante os passeios que acabei nem tendo muita oportunidade de comer pela cidade (não sentia fome..rsrs). Os locais que provei e posso comentar são:


La Pica del Indio

Um restaurante típico e tradicional que apresenta um menu com receitas caseiras, saborosas que são preparadas a partir de ingredientes regionais. Os pratos são bem servidos. Seu ambiente é simples e descontraído.
Endereço: Tocopilla 418
Telefone: +56 9 5641 4532


Ambiente descontraído no restaurante La Pica Del Indio
Frango "a lo pobre" super bem servido
Frango com fritas



Cafe Esquina

Outro lugar simples para um lanche ou refeição. Escolhemos uma empanada que era gigante (dividimos para 2 pessoas) e estava bem gostosa.
Endereço: Caracoles 140


Pizzeria El Charrua


O ambiente é bem simples e pequeno, mas a pizza é gostosa. Excelente custo benefício.
Endereço: Tocopilla 442
Telefone: +56 55 285 1443


Burger Garden

Este foi o meu preferido por lá. Fui em 2 noites diferentes. A proposta são hamburgueres artesanais com diferentes combinações de quijos e molhos muito saborosos. O ambiente é uma graça também. Claro que os hamburgueres vem sempre acopanhados de batatinhas. Uma delícia!
Endereço: Tocopilla 455
Telefone: +56 9 6627 3268

Ambiente do Burger Garden
Hamburgueres do Burger Garden



ChelaCabur

Na realidade este não é para comer, e sim para beber cerveja. A carta de cervejas inclui as mais tradicionais no Chile, e também algumas artesanais.
Endereço: Caracoles 212

ChelaCabur: o barzinho descolado da cidade

Internet, wi-fi e uso do celular no Chile


Com o passar dos anos o celular virou um artigo indispensável nas viagens: ele é câmera fotográfica, mapa, e o principal: nossa conexão com o mundo. Porém muitas vezes é complicado chegar em um novo país e adquirir um plano de dados e telefonia.

Nesta viagem tive o apoio da EasySim 4U, que me enviou de cortesia um chip internacional quando ainda estava no Brasil. O chip veio pré-programado para as datas da minha viagem e tinha um plano de dados ilimitado. O meu único trabalho quando cheguei no Chile foi trocar o chip do meu aparelho pelo chip enviado pela EasySim 4U.

Funcionou muito bem no centro de San Pedro de Atacama e no meu hotel, muitas vezes melhor que a conexão Wi-Fi dos estabelecimentos.

Todas as informações sobre os planos, pacotes, valores e países cobertos pelo serviço da EasySim 4U podem ser vistas no site da EasySim 4U.


Câmbio


Optei por fazer cambio 100% em Santiago antes de seguir para San Pedro de Atacama, porque sabia que as cotações por lá não eram favoráveis.

A casa de câmbio em Santiago que oferecia melhores valores na época que viajei (fev/17) era a Cambios Santiago (Avenida Pedro de Valdívia, 29, Providência), que tem um site na internet que é ótimo para pesquisa da cotação antes da viagem, ainda do Brasil. :)

Já em San Pedro de Atacama a cotação que encontrei estava 160 pesos chilenos para cada real em fevereiro/17. Então vale a pena pesquisar antes de viajar.


Outra recomendações



  • Vestimenta - mesmo no verão as noites são frias, e nos lugares mais altos faz frio também durante a manhã. Leve sempre um agasalho para encarar as baixas temperaturas; mas também esteja pronto para as temperaturas quentes durante o dia, especialmente no centro histórico.


  • Altitude e "mal de altura" - o centro histórico está a 2400 m, mas durante os passeios você poderá chegar a mais de 5000m de altitude e o corpo reage diferente nestas condições. Evite exercícios físicos e esforços até que o corpo esteja adaptado. 


  • Água - se manter hidratado num lugar tão seco é essencial. Beba bastante água ao longo do dia e sempre leve uma quantidade razoável durante os passeios. 


  • Comércio - em geral o comercio funciona de 09 as 14h e de 17 as 22h. Restaurantes e agencias de turismo funcionam de 08 as 01h.


  • Gorjetas - o costume local é deixar 10% de gorjeta sobre o valor total da conta em cafeterias, restaurantes e bares.
  • Outros itens indispensáveis: óculos de sol, protetor solar, protetor labial, creme hidratante (algum hidratante para olhos, boca e nariz pode ser interessante também), chinelos, roupa de banho (há lagoas por lá também) e boné ou chapéu.


Deserto do Atacama – Lista de posts relacionados:


***

Comentários

Postagens mais visitadas