Entre queijos e chocolates: um final de semana na Suíça

Por Natália Góes


Aproveitei que estava em Paris a trabalho para visitar os amigos Mari e Rapha na Suíça. Minha hospedagem não poderia ter sido mais especial: fui recebida na casa deles em Lenzburg, localizada 36 Km a Oeste de Zurique. Cheguei na sexta à noite e retornei à Paris no domingo à noite. Minha conclusão: apenas 2 dias é muito pouco para conhecer um país que tem tanto a oferecer (e também para matar a saudade de amigos queridos). De qualquer modo vou compartilhar um pouco do que vi e conheci por lá para deixá-los animados a conhecer a Suíça. :)

Kapellbrücke, cartão postal de Lucerna

Vista do meu quarto em Lenzburg

Voei de Air France direto de Paris a Zurique. O trajeto é super curto: apenas 1h15m. Outra opção é pegar o trem que sai de Gare du Nord em Paris para Zurique; o tempo de duração da viagem é de 4h. Cheguei na sexta à noite e fui descansar para aproveitar bastante o sábado.


  • Lenzburg


Lenzburg é uma cidade pequena e calma, com cerca de 8 mil habitantes. Tudo é impecavelmente organizado e limpo. Cheguei no segundo final de semana de outubro, já encontrando a cidade com as cores do Outono. Linda, linda, linda!

O outono de Lenzburg

Lenzburg não chega a ser uma cidade turística. Sua principal atração é o Castelo de Lenzburg, que pode ser avistado de alguns pontos da cidade (do quarto que me hospedei, inclusive) e que também abriga um museu interativo. Aproveitei minha manhã de sábado em Lenzburg para conhecer o centro histórico da cidade, com ruas estreitas, prédios históricos e fontes. Também fui às compras: paramos em um Coop (um dos grandes supermercados de lá) e escolhi uma grande variedade de chocolates e queijos para experimentar durante a minha estadia, e também para trazer para o Brasil.

Pub no centro de Lenzburg e o castelo da cidade na parte superior esquerda da foto
Centro histórico de Lenzburg
Parte da variedade de chocolates encontrada nos supermercados suíços

Lenzburg é uma ótima cidade para se acessar de trem ou de carro outros pontos da Suíça como Zurique, Lucerna, Basilea e a capital Berna.

Estação de trem de Lenzburg

  • Lucerna


Ainda no sábado, na parte da tarde, seguimos para Lucerna para conhecer o que é uma das cidades mais famosas da Suíça. Localizada a 60 Km a sudoeste de Zurique, nosso trajeto desde Lenzburg até lá demorou cerca de 1h. E a paisagem é linda quando se opta por um caminho mais extenso margeando os lagos suíços.

Chegando em Lucerna caminhamos muito pelo centro comercial. A temperatura estava agradável: cerca de 14 graus. Compramos souvenirs, comemos os típicos Marrones, que sempre aparecem no Outono, tomamos chocolate quente suíço, tiramos muitas fotos da paisagem e da ponte velha, Kapellbrücke, e também passemos pela Herbstmesse, uma feira que acontece em várias cidades da Suíça e da Europa durante as primeiras semanas do Outono. Em Lucerna ela estava às margens do lago Vierwaldstättersee e tinha um parque de diversões. Demos uma voltinha na roda gigante pra ver a cidade lá do alto e constatar que ela é realmente linda!


Variedade de canivetes suíços nas lojas de souvenir em Lucerna

Loja de chocolates em Lucerna

Café às margens do Rio Reuss em Lucerna

Rio Reuss e Kapellbrück, a ponte de madeira construída em 1365 em Lucerna

Rio Reuss e os hotéis e restaurantes que o margeiam

Maronis de outono

Uma das várias barracas de maroni do centro de Lucerna

O colorido outono de Lucerna

Barraca de doces na Herbstmesse

O tradicional - e delicioso - pão alemão Pretzel (brezel em alemão) em forma de nó

Mari e eu prontas para a roda gigante

Vista de cima da roda gigante: Lucerna vista do alto

Lucerna ao anoitecer

Para fechar o dia escolhemos um restaurante típico suíço, o Stadtkeller Swiss Folklore Restaurant, para nos deliciarmos num fondue de queijo. Perfeito, não!? Era um restaurante bastante turístico, com um show bastante completo sobre os costumes suíços. Preço do show: 18 francos suíços. O fondue de queijo que comemos estava delicioso!!! E para quem não conhece nada dos costumes suíços é uma excelente oportunidade de conhecer músicas, danças, instrumentos, entre outros costumes típicos. Haviam turistas de diferentes partes do mundo como Espanha, Austrália e diferentes pontos dos EUA.

Meus queridos amigos e anfitriões, Rapha e Mari, nas ruas de Lucerna

Fondue de queijo excelente que comemos no Stadtkeller Swiss Folklore Restaurant

  • Zurique


Já no domingo nossa programação era passear por Zurique. Meu vôo de volta para Paris era às 18h, então tínhamos bastante tempo para passear pela cidade.

Fomos no final da manhã de carro para Zurique (cerca de 30 minutos) e paramos em um estacionamento próximo à estação central de trem Zürich HB. A estação é super bonita e funciona também como um grande centro comercial, em especial aos domingos, quando a maior parte do comércio está fechados cidade. O mesmo vale para o aeroporto de Zurique: existe um grande centro comercial dentro dele com lojas de grife, populares e também um grande super mercado aberto aos domingos.

Grafite em parede de bar em Zurique

Estação central de trem Zürich HB

Iniciamos o passeio pelo interior da estação de trem, seguindo pela avenida principal, a Bahnhofstrasse. Circulamos por várias ruas da parte conhecida como Old Town, caminhando pelos 2 lados do rio Limmat até chegar no Lago de Zürich. Um dos pontos mais bonitos do trajeto foi a praça Lindenhofplatz onde podemos avistar a Old Town de cima, e construções muito antigas como o hospital universitario Universitätsspital Zürich. Continuamos a caminhada por Oberdorf e Niederdorf, bairros famosos de Zurique. Ao chegar no lago a vista também é muita linda. Os suíços aproveitavam que as temperaturas baixíssimas do inverno ainda não chegaram para caminhar às margens dos lagos enquanto as crianças brincavam.

Lindenhofplatz, em Zurique
Vista da Old Town a partir da Lindenhofplatz, Zurique

Oberdorf, Zurique
Oberdorf, Zurique
Oberdorf, Zurique
Lago de Zurique
Lago de Zurique
Grafite em Oberdorf, Zurique
Niederdorf, Zurique
Niederdorf, Zurique

Há também a Bellevue, onde fica a Ópera, onde fizemos uma parada estratégica num restaurante chamado Terrasse para tomar café. Este restaurante tem muitas paredes de vidro, oferencendo uma vista linda do lago. Após esta parada continuamos a passear pelas ruas históricas e pela margem do rio até chegar ao jardim Platzspitz, que foi nossa última parada antes de seguir para o aeroporto. Sem duvida o colorido do outono dava um charme mais especial a cidade.

Sechseläutenplatz, Zurique
Nós três em Bellevue
Ópera de Zurique
As cores do outuno mais uma vez deixando tudo mais lindo


Café acompanhado de chocolate suíço

Jardim Platzspitz

Jardim Platzspitz

Fui embora da Suíça de coração apertado deixando um casal de amigos tão querido por lá. Mas agora a vontade de voltar logo para conhecer as outras cidades e ficar por mais tempo com eles triplicou :)

Obrigada por tudo, Mari e Rapha!!

Até a próxima, pessoal!

Nat

Comentários

  1. Respostas
    1. Lá é super super lindo mesmo, Eli!! Obrigada por deixar seu comentário! :)

      Excluir

Postar um comentário

Obrigada por deixar o seu comentário por aqui :)

Postagens mais visitadas