Malta – Relato de abertura

Por Natália Góes


Optei por dividir meus relatos sobre Malta em 3 publicações diferentes por aqui, para que fique mais organizado. Este é o primeiro deles.

Vou começar falando um pouco sobre a localização. Malta, ou República de Malta, localiza-se ao Sul da Europa e consiste em um arquipélago situado ao centro do Mar Mediterrâneo. Das ilhas que formam este arquipélago, apenas as 3 maiores são habitadas: Malta, Gozo e Comino. Malta é o menor país da União Europeia (316 km² - fonte: Wikipedia) e Valetta é sua capital. Devido a sua localização, Malta sempre teve muita importância estratégica e uma sucessão de potências governaram a ilha.

Mapa de Malta, indicando sua localização na Europa


Há dois idiomas oficiais: o maltês e o inglês (mas há muita gente por lá falando italiano também), devido a sua colonização pelo Reino Unido, que durou até 1964. Exatamente isso me fez viajar a Malta em Setembro de 2013 com o objetivo de estudar inglês por 3 semanas. 

O clima nesta época do ano é bem quente ainda (faixa dos 30/35 graus), embora a época de verão mais quente (julho/agosto) já tenha passado. E tem sempre um ventinho agradável do Mediterrâneo, mas não chega a incomodar.


Fiquei hospedada em Sliema (porque era perto do curso de inglês), uma das cidades de Malta, e gostei bastante. Fica bem perto do comércio e do porto (onde se pega o ferry para ir a Valetta) e também de St Julien's, cidade bem bonitinha com muitos barzinhos e restaurantes. Exatamente por estas características que citei, estas são as cidades que eu indico para se hospedar. Minha hospedagem em todo o período foi no Europa Hotel. Além das cidades que já citei, há também Paceville, o local das festas e badalação. Eu acabei só passando por lá porque estava mais interessada em curtir bares mais calmos e restaurantes em St Julian's.



St Julian's durante a noite

Sliema

Em geral tudo em Malta é muito próximo; você caminha 15 minutos e já está em outra cidade. Há tickets diários e semanais para o transporte público na ilha (que funciona muito bem, por sinal). Os pontos de ônibus são bem sinalizados e neles há informação sobre a rota de todas as linhas de ônibus que passam, e também do horário em que cada linha vai passar. Bem útil. Há também algumas linhas de ônibus tipo frescão que saem do aeroporto e vão para vários pontos da ilha. O trajeto é um pouco mais demorado, porém é uma opção muito econômica já que este serviço é gratuito. Para saber mais sobre o transporte publico em Malta, horários e linhas, consulte o site oficial de lá.

Na próxima publicação vou falar dos pontos turísticos deste pequeno país encantador.

Comentários

  1. Oi Natalia,
    Gostaria de dicas sobre o que fazer em Malta em um dia (algumas horas). Em maio, sairei de Catânia num vôo bem cedo, para Valletta com volta a noite.Poderia me orientar se é necessário contratar um guia local, ou é fácil ir do aeroporto para o centro da cidade? e, esse ônibus gratuito "tipo frescão", é recomendado? Esclareço que não sei inglês, somente italiano. Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Silvia! Já que você terá apenas 1 dia, minha recomendação é que você fique em Valetta mesmo, que é a capital. Lá tem um centro comercial bem agitado, restaurantes e museus. Você poderá percorrer tudo a pé, conhecendo as ruas, a Catedral de St John, os "Barracca Gardens" e o museus Palace Armoury e National War Museum, que registram muito bem tudo sobre as guerras. Há tb Museu Nacional de Arqueologia, além do Museu de Artes e o Manoel Theatre, que infelizmente eu não consegui visitar, mas também ficam em Valetta e você poderá incluir no seu passeio.

      Por lá eu ouvi muitas pessoas falando em italiano, então acho que você não terá problemas para se comunicar; Não me lembro se nos audios dos museus havia a opção para ouvir em italiano. Isso teria que ser verificado diretamente no site deles. :/ Acabo sempre optando pelo ingles ou espanhol.

      Em Valetta há uma rodoviaria central que recebe onibus de todas as partes. Acredito que este frescão passe por lá sim; eu o peguei apenas saindo de Sliema para o aeroporto e foi otimo! Demorou cerca de 40 min o trajeto. Vi neste site oficial sobre os transportes de lá que há sim linhas diretas para Valetta (veja, por favor, este link:http://www.publictransport.com.mt/searchresults). Nas minhas 2 chegadas a cidade optei pelo taxi porque já era madrugada.

      Espero ter te ajudado, e que vc tenha uma viagem incrível. Eu adorei conhecer Malta. :)

      Se tiver mais alguma duvida que eu possa ajudar, farei com o maior prazer.

      Beijos
      Natáia

      Excluir
  2. Olá Natalia, estou programando um intercambio de 1Mês para estudar ingles, e um dos lugares que a agencia de turismo me indicou foi malta, gostaria de saber, quanto eu iria gastar mais ou menos durante 1 mês em Malta, sem contar estadia que já esta incluso no valor do curso. Somente com alimentação, transporte para conhecer a ilha.

    Obrigado,
    Adriano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Adriano! Malta é um dos países mais baratos da Europa; e exatamente por ter muitos estudantes, os preços são bem mais em conta que cidades grandes como Paris ou Londres, por exemplo. Quanto vc vai gastar vai depender do tipo de programa e restaurantes que vc gosta. Eu conseguia almoçar um bom prato de massa, sem luxo, por 5 euros ao lado do meu curso de ingles; A noite eu optava por lugares mais arrumadinhos e gastava um pouco mais (entre 10/15 euros).

      Não lembro exatamente o valor do transporte publico por lá, pq me hospedei proxima ao curso e fazia muita coisa a pé. Mas sei que eles vendem passes diarios (e se nao me engano, semanais também), que acabam sendo mais economicos caso vc vá precisar muito do transporte publico.

      Espero ter ajudado.
      Abraços,
      Natália

      Excluir
  3. Natália, parabéns pelo blog, muito esclarecedor!
    Estou programando um intercâmbio em Malta para Setembro, gostaria de saber em qual escola você fez o curso de Inglês e se achou de boa qualidade. Foi-me oferecido curso na EC e estadia em St,Julian's mas estou achando que é muito movimentado e frequentado na maioria por adolescentes. Talvez seja melhor fica em Sliema como você fez. Pelo que li e vi parece um lugar mais tranquilo e muito agradável.
    E o hotel, o que achou? Tem alguma sugestão de acomodação além do que ficou hospedada?
    Em tempo, sou aposentada, bastante animada e ainda com muitos sonhos a realizar!
    Desde já agradeço suas respostas e atenção.
    Um abraço e felicidades.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Beatriz! Ficamos super felizes quando vocês nos acompanham e gostam das dicas e textos :D

      Estudei inglês na escola IELS (falo sobre isso neste texto aqui: http://profissaoturistaoficial.blogspot.com.br/2014/05/malta-pra-terminar.html). Fiz na unidade de Sliema. Confesso que a maioria dos alunos eram jovens (na faixa de 18 a 22 anos), mas haviam algumas pessoas mais velhas (na casa dos 30, 40, 50), embora fosse um grupo bem menor (uns 15% dos que circulavam pela escola). Tanto Sliema, quanto St. Julians são muito agradaveis. Acho que ambas as escolhas são muito acertadas para hospedagem (e ficam bem pertinho uma da outra; eu ia a pé diariamente para jantar ou passear).

      O hotel que fiquei era bem simples; nem ar condicionado tinha; mas a localização era ótima. Também era limpo e silencioso. E como eu queria economizar para os passeios, valeu a pena ter menos conforto. Infelizmente não tenho nenhum outra recomendação de hotel, mas me lembrei que os cursos normalmente oferecem 2 tipos de acomodação: casa de familia ou em um Days Inn (uma especie de apartamento). Veja quando tiver orçando seu curso se eles nao oferecem a opção de hospedagem neste Days Inn para você, pois pode ser uma boa opção em relação ao hotel. Eu, quando fechei meu curso, ficaria nele. Mas no mês seguinte comecei a namorar e ele me acompanhou na viagem. Como ele não ia fazer o curso de inglês também, ele não poderia ficar hospedado no Days Inn comigo; foi ai que optei pelo hotel.

      Adorei a sua animação!! Malta é um país lindo!! Com certeza vc vai se encantar. Valetta, a capital, eu penso que seja uma ótima alternativa para hospedagem e curso tb. Lá tem varios hoteis de redes maiores, restaurantes e museus.

      Se precisar de mais alguma dica, pode me escrever aqui. Depois passe aqui para nos contar o que achou de lá :)

      Um grande abraços e muitas felicidades tb!!

      Natália

      Excluir
  4. Olá Natália,

    Qual empresa organizou o curso/hospedagem para você? Poderia me passar o nome e fone? O curso foi bom? Valeu o investimento? Qual o melhor local de hospedagem para ficar em local bacana que tenha agito e comodidades? Abraços, Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria. A empresa com a qual fechei o curso foi a STB. Neste post aqui http://www.profissaoturistaoficial.blogspot.com.br/2014/05/malta-pra-terminar.html?m=1 eu ponho o link da empresa pra vc ter acesso aos telefones. Neste post também está minha opinião sobre o curso. Eu achei que valeu o investimento sim. Me sinto muito mais confiante no inglês depois que o fiz. Quanto a hospedagem, recomendo Sliema ou St Juliens. Beijos e obrigada por comentar :)

      Excluir
  5. Pretendo fazer meu intercâmbio em Malta em maio e junho deste ano. A escola é a EC Malta (endereço: M. Mangion Street, Saint Julian's STJ 3180) e pretendo me hospedar no NSTS Campus Residence & Hostel (endereço:60, University Street, Triq l-Universita, Msida, Malta). Qual a forma mais prática e barata para me deslocar de um ponto a outro? Tentei ver hospedagem em Saint Julian's mas é muito mais caro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Claudete! Obrigada pela mensagem.
      Vi no Google e fica bem distante para ir a pé. Acredito que a melhor opção será ir de transporte publico; neste caso ônibus. Os pontos são super bem sinalizados e os onibus tem horarios para passar (a tabela fica em cada ponto): uma organização fenomenal. Pelo que vi no Google, vc pegaria o onibus "13" no ponto "Enrico" a 7 min do seu hotel, e desceria 20 min depois no ponto "San Giljan" a 1 min do seu curso de ingles. Depois dê uma olhada no site dos onibus de la (http://www.publictransport.com.mt/routes?l=1), pois o google maps pode estar desatualizado. E no seu hotel certamente poderão confirmar se esta informação está correta tambem. A dica, caso vc va de onibus todos os dias, é comprar um passe semanal, porque as passagens sairão a um preço mais barato ;)
      Beijos

      Excluir
    2. Muito obrigada, Natália!

      Excluir
  6. Olá Natália, tudo bem? Tenho 33 anos, sou de Brasília e estou planejando passar dois meses em Malta ( abril e maio de 2017) para estudar inglês a partir do básico. EStou pesquisando escolas, como decidiu sobre a sua? Já me ofereceram European, LAL e EC, o que acha? O que acha, também, em relação ao curso semi intensivo e intensivo? Você chegou a viajar por perto? Tem ideia de custos de viagens? Beijos, Vyrgínia.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por deixar o seu comentário por aqui :)

Postagens mais visitadas